segunda-feira, 6 de junho de 2011

há quase vinte anos

Meu corpo que sobre rugas se desdobra padece em desesperança, sou indiferente à mim; isto que me sobra... ainda pareço mulher?, se não sou tocada tampouco acariciada como tal?, assumo que costumava receber este homem em meu sexo somente por cumprir tal papel, mas nem isso mais; o tempo nos desaprendeu; não mais nos sabemos enquanto afirmamos pirracentos todas as diferenças. Torcemos teimosamente contra nós mesmos há quase vinte anos, mas não arredamos o pé. Ando cansada demais e assim vou me esgueirando pelos cantos desta casa, com uma falta de tudo enraizada no fundo, tenho uma vontade perdida de me achar dando as mãos ao medo de me encontrar escangalhada demais, a velhice vem todos os dias me avisar que está próxima – vejo isto em você também, o descuidado é tanto; nos desperdiçamos meticulosamente como dois mestres, estamos apegados ao estrago que viramos, a fadiga é tamanha que neste mundo sem valorização o progresso é uma piada infeliz, que desgraça; duas almas encolhidas de medo. Meus pulmões costumavam ser estufados de imediato para supostas controvérsias, porém nem isto me excita os órgãos, você não me comove, e isto também não me entristece mais. Parasitamo-nos e descompreendemos o amor de dentro, somos lindamente desvirginados pela desventura; tudo por pura escolha...

15 comentários:

Cristiano Paes disse...

Gostei muito do texto, acho que as suas postagens no blog vão virar mais um novo livro.

Ju, desde a "Gabi" que vc fez em malhação que eu acompanho todos os seus trabalhos que vc faz, Fiquei super feliz quando soube que vc faz aniversário no mesmo dia que eu. Eu não sei se posso considerar seu fã, fã é aquele que só adimira o trabalho, eu não adimiro só o seu trabalho eu também adimiro vc.

Vc está escrevendo pouco no seu blog, eu sinto falta de textos novos.

Ass: Cristiano Paes

http://www.facebook.com/profile.php?id=1278496869

Cristiano Paes disse...

Aproveitar o espaço para dizer que estou com saudades dos seus textos e também pra perguntar uma coisa.

éverdade que vc vai voltar pra globo?

Fiquei sabendo disso pelo twitter, por favor responda

@cristerm

Beto Bueno disse...

Lindo o texto . Me parece mostrar uma fase de nossas vidas que , se por um lado é bela por nos trazer maturidade ,muitas vezes deixam marcas que poderiam ser apagadas .
Parabens !

Anônimo disse...

Pra sempre Manú e Marreta <3 Eternos!

blower's daughter disse...

Ju, gostei muito do texto.. acompanhava teu fotolog, agora seu blog.. adoro seu trabalho e me identifico muito... tambem sou virginiana e adoro textos sensiveis como teu. Beijos de Brasília!!
Fernanda

Cristiano Paes disse...

Fiquei sabendo que vc vai voltar a aparecer nas telinha a parti de segunda. Fiquei feliz em saber, bem na semana do nosso aniversário. O chato é que você não vai ter mais tempo e vai esquecer de nós.

Anônimo disse...

http://wonderlandimaginary.blogspot.com/

Gideone disse...

Olá, Primeiro parabens por essa beleza inigualavel e pelo seu profissionalismo, assisti malhação e disse para min mesmo, nossa akela menina heheh...então eu vi q vc tbm é de setembro ai resolvi axar um jeito d t dar os parabens =D então parabens muitos anos d vida q DEUS abençoe sua vida...por favor se vc ler este comentario...me responda, fikarei muito feliz em saber q consegui pelo menos um dia me comunicar com vc ;)bjo.

genival ferreira disse...

gostei do testo vc tem muito talento meus parabens sempre ando acompanhando o seu trabalho vc é incrivel admiro muito vc e oseu trabalho adds o meu email opagenival@hotmail.com ou manda vai ser uma honra acompanha seu trabalho.bjs..

Eu Curto é Festa disse...

Adoro seus textos, te acompanho a muito tempo, quando você fez a vampira 'Pandora', sou 1 ano mais novo que você,sei que isso é bem estranho mais naquela época eu era meio bobinho,e assistia a novela só pra te ver,ficava pensando em você o dia todo , rsrs em te conhecer e tal,acho que foi aquela fase que toda criança ou adolescente se 'apaixona' por alguém da TV,nunca falei isso pra ninguém né aposto que todos irão me zoar, des de então sempre acompanho seu trabalho, te acho muito linda, talvez a mais linda que já vi,pena que só pela TV talvez eu ache isso pelas lembranças que eu tinha daquela época,mais enfim venho a tempos buscando escrever isso pra você , ou me comunicar com você e dizer tudo isso... acho que me considero um fã seu sim !

Um Beijo

Ass: Rafael Lucas


http://www.facebook.com/profile.php?id=100001942216979

Larissa disse...

miss you

Roger Marson disse...

Parabéns pelo texto, Juliana!!!! Eu que sempro componho músicas que giram em torno de linhas de poesia, me interesso muito. Um tempo atrás mesmo, eu estava numa livraria buscando algum livro relacionado à poesia. Nem sabia ainda do "Ela, a outra e eu" e dando uma fuçada de curioso, fui aleatoriamente e ver o seu nome no livro me chamou a atenção , gostei da poesia que eu li de cara e resolvi comprar. Parabéns pelo talento poético.

rogerinchains@hotmail.com

Ricardo disse...

Ju,
Ouve aí...
http://youtu.be/F91bHYAmv2w

Xandy Britto disse...

Vim matar saudade, fazer uma visita, ler minha amiga, e levo um susto! A menina virou mulher! EITA! Textaço! Bjokas, XB

Alexandre Santucci disse...

Lindo texto, maduro, repleto.
muito, mas muito bacana mesmo.
Ale Santucci